Orquestra Namorados Do Caribe – E Sua Música Maravilhosa (1966)

Olá amigos cultos e ocultos! Depois de uma pausa de quase duas semanas, aqui estamos de volta. Logo após a última postagem, a coletânea das Mães, a bruxa andou solta, fazendo seus estragos. Voltei a receber ameças por conta de algumas postagens. Nada muito sério quando percebo que do lado de lá a forçação de barra é insana, de algum maluco tentando me chamar a atenção. Porém, acho que esse mal estar chegou a afetar até o meu computador. Queimou a placa mãe e o negócio foi mesmo trocar de máquina. Demorei para retomar as postagens pois só hoje consegui voltar à normalidade. Recomeço trazendo este lp da excelente Orquestra Namorados do Caribe, só para cutucar. Tem gente que é apaixonada com esta orquestra, mas odeia o Toque Musical. Assim, vamos dar uma adoçada nessa limonada e matar a sede.
Segue então a Orquestra Namorados do Caribe e sua música maravilhosa, em disco lançado em 1966 pela RCA Victor. Neste lp, como se pode ver, temos um repertório bem antenado com sua contemporaneidade. Trazendo uma seleção de sucessos da época, mesclando o pop romântico internacional com trilhas de filmes e Beatles, pra ficar ainda mais moderninho. Tudo isso temperado a um ritmo embolerado e marcado por bongôs. Ficaram bem interessantes os arranjos. Vale a pena conferir 😉

girl
thunderball
lara’s theme
nessuno mi puo giudicare
una casa in cima al mondo
michelle
day tripper
moment to moment
j’aime
aline
dio come ti amo
yesterday
.

Orquestra Namorados do Caribe – Sabor De Sucesso (1964)

Temos para hoje, mais uma vez, um trabalho do Maestro Carioca, arranjando e regendo a Orquestra Namorados do Caribe, uma versão RCA Victor para a Orquestra Românticos de Cuba, da Musidisc. Neste álbum a Orquestra nos apresenta um repertório quase todo de músicas italianas que faziam muito sucesso nos anos 60. Bem agradável, longue… Vai mais uma pedrinha de gelo aí? Apreciem com moderação 😉

la bamba
non ho l’etá
if i had a hammer
anamaria
esta noche
come sinfonia
free me
sapore di sale
io che amo solo te
se le conse stanno cosi
cio’ che rimare alla fine de un amore
roberta