Garota de Ipanema – 123 Toques Musicais (2011)

Boa noite amigos cultos e ocultos! Como ainda estou em recuperação, entupido de antibiótico, fiquei proibido de fazer algumas das coisas que mais gosto num fim de semana prolongado como esse. Não posso beber e nem queimar meu chocolate. Daí, não vejo muita razão para sair, encontrar os outros amigos cultos e também os ‘revelados’. Vou seguindo bem maneirinho, fazendo extravagâncias em outros sentidos, como vocês verão (e ouvirão) daqui. Hoje eu passei o dia em overdose, mas não foi de remédio não. A turma aqui em casa é que o diga, tiveram que suportar quase oito horas ouvindo uma mesma música, “Garota de Ipanema”. Depois de hoje, fiquei proibido de tocá-la, pelo menos, até o fim do ano, que vem. Chapei todos por aqui, inclusive os vizinhos, mas esses não reclamaram (e nem podem, eu sou o síndico, hehehe…)
Pois é, resolvi fazer uma seleção de 123 versões de “Garota de Ipanema”. Sei que extrapolei, passei da dose e fui além. Recolhi as mais diferentes interpretações desta canção de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. São gravações antigas e novas, realizadas aqui e também lá fora em diferentes cantos do mundo, como os mais diversos artistas e músicos. Alguns de vocês talvez venham a me perguntar a razão de um número tão inexato: 123. A explicação é simples, “Garota de Ipanema” deve ter mais de 500 versões gravadas pelo mundo, eu devo ter umas 250 (ou quase). Como não tive tempo para preparar cada uma delas, decidi parar em 123, que simboliza uma continuidade, uma sequência, a qual, por certo, eu não pretendo levar em frente (ufa!). Fiz isso apenas para mostrar a vocês como algumas músicas se tornam apaixonantes, vibrantes e prá lá de clássicas. Gosto disso, de colecioná-las. Aliás, são três as músicas pelas quais eu venho reunindo versões: “Garota de Ipanema”, “Caravan” e “Nature Boy” (adoro essas músicas).
Como ando com ‘doses’ na cabeça, vai aqui esta postagem em dose quíntupla! Para vocês passarem 123 dias ouvindo uma a uma por dia (se aguentarem, é claro!). Taí, a coletânea da semana. Olha que coisa mais linda…
A propósito, com 123 nomes diferentes, sinceramente, pelo menos por agora, não irei listá-las para vocês, mas podem ter certeza que aquela versão em particular que procuram está aqui.
A capinha , desta vez, não ficou muito no meu agrado, mas na contracapa há toda a relação dos intérpretes, ok? 😉

Comments

comments

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

23 pensou em “Garota de Ipanema – 123 Toques Musicais (2011)

  1. Também garimpo versões desta maravilhosa música, e não canso de ouví-la nunca, obrigado por mais este presente, e uma ótima recuperação. Quem esteve aqui em Franca ontem foi o Grupo “O Choro das 3”, acompanhadas pelo Barão, pagodeiro das antigas. Abraços. Dante Jr.

  2. Por que não experimenta fazer o mesmo com “Carinhoso”? Certamente chegaria a 234 versões e muito mais!

  3. Clayton, esta é também uma da minhas músicas prediletas e eu com certeza devo ter uma boa quantidade de versões, apenas não as recolhi ainda. Mas, taí uma boa ideia. Valeu a lembrança. Vou pensar no assunto 🙂

  4. Augusto,
    Gosto muito da canção My Funny Valentine e desde fevereiro de 1990 venho juntando diferentes gravações desta bela composição de Richard Rodgers / Lorenz Hart.
    Até agora são 2.286….
    Se você achar interessante posso te encaminhar uma seleção com interpretes brasileiros.
    Abraço do Gerardo.

  5. Acho Garota de Ipanema, com todo o respeito pela qualidade e pelo alcance que tem essa cançao, de uma chatice sem igual. Também nao suporto ouvir mais nenhuma versao de Carinhoso e a insuportável Asa Branca. Espero nao causar nenhuma reaçao mais exaltada com minha opiniao, que é estritamente pessoal…

  6. Rofas não diga isso com as 3 músicas mais gravadas e tocadas do Brasil. Sou colecionador de tudo que é música boa. faço coleção da música asa branca já tenho 175 gravações. Um abraço Augusto. Sávio Sampaio

  7. Geraldo, pode mandar sim para o meu e-mail, agradeço muito. Pode mandar todas 😉
    Quanto as 121, acho pode ter havido alguma falha ao baixar, são mesmo 123 músicas, ok?
    Rofas, acho muito natural essa sua antipatia, que talvez tenha nascido depois de ouvir essas músicas tantas vezes e pelo tanto que se falam delas. Eu também tenho isso, por exemplo com “Peixe Vivo”, me mata. “Help” dos Beatles. Algumas do Roberto Carlos, “Chão de estrelas”, “Menino da porteira”, “Sobradinho” e por aí vai… hehehe…

  8. Augusto, refiz a descompactação e:

    Arq1 – 25
    Arq2 – 24
    Arq3 – 24
    Arq4 – 24
    Arq5 – 24 musicas
    Total – 121 musicas

    Gerardo

  9. Geraldo, pode mandar sim para o meu e-mail, agradeço muito.

    Augusto,
    Por favor me informe o e-mail para remessa.

    Grato.
    Gerardo

  10. Além do “Carinhoso” que o Clayton lembrou, tem outras duas campeãs de gravações: “Chega de saudade” e “Manhã de carnaval”. Tem que entrar na fila de álbuns especiais.

  11. Augusto, muito obrigado, a primeira ligaçao nao funciona “invalid or deleted file”

    Abraço
    James

  12. Augusto,Eu acabei de contar o numero das versaos enumeradas na biografia de Tom Jobim por S.Cabral = 186
    Abraço

  13. Ave Augustus Athleticanus Ipanemicus! Tudo em ordem por aí?

    Se você tiver paciência, posso te mandar depois o link de um post sobre “Aquarela do BRasil”, listando aproximadamente 750 gravações dela pelo mundo. Isso era de 2004 ou 2005 e de lá pra cá, já aconteceram bem umas 50 novas gravações. Parafraseando João Gilberto, deveria haver uma Medida Provisória proibindo de se compor tanta bobagem por aí e obrigando que se gravassem nossos clássicos antes de se gravar tanta besteira sem qualidade.
    Por que será que os americanos não se cansam de gravar e regravar seus standards?

    Um grande abraço!

    Sérgio

Deixe uma resposta