Manfredo Fest – Brazilian Dorian Dream (1976)

Olás! Quando penso em postar discos de Bossa Nova, fico sempre na dúvida se já foi ou não postado no Loronix. Às vezes eu acabo desistindo quando vejo que o disco já passou por lá e já está em outras fontes também. Mas como hoje em dia, no blog do loro, de ativo e crescente só tem mesmo o quadro de seguidores (talvez esperando o seu retorno), eu daqui vou postando os meus sem preocupação. Acontecem também coincidências com postagens de outros blogs, mas eu já vi que se for ficar preocupado com isso, acabo me limitando e seguindo uma linha que não me interessa. Quando percebo a tempo que o disco também foi postado em outro blog, daí eu posso até fazer uma menção. Mas nem sempre eu saio procurando pela rede para saber se o disco que quero postar foi ou não publicando. Minhas postagens não dependem disso.
O álbum de hoje não é de Bossa Nova, porém já foi publicado no Loronix. Eu o comprei ontem, mais como um investimento, pois trata-se de um álbum raríssimo do Manfred Fest, gravado nos Estados Unidos (importado) em sua fase internacional. No quesito raridade ele está no mesmo pé de igualdade do álbum “Krishnanda” de Pedro Sorongo, cotado no mercado internacional de colecionadores a mais de 500 pratas! Depois de devidamente digitalizado, eu o coloco a venda para quem se interessar, pela metade do preço. Aproveitem porque a oferta é por tempo limitado (hehehe…)
Temos então o instrumentista em um álbum lançado em 1976 pelo selo americano T&M Productions. Este disco nunca saiu no Brasil e ao que me parece foi o primeiro álbum gravado por ele ao se mudar para os ‘States’. Muitos o consideram como sendo o seu disco mais moderno. Um álbum realmente diferente de outros dos seus trabalhos. Em “Brazilian Dorian Dream”, Manfredo vem acompanhado pelo baixista neozelandês Thomas Kini, o baterista e percussionista costa riquenho Alejo “Joe” Poveda e a cantora americana Roberta Davis. Juntos eles fazem um som que bem nos lembra o Sérgio Mendes numa postura mais jazzística. É um disco de “fusion” e dos melhores, com elementos do jazz, do rock e também de suas raízes brasileiras. Foi um álbum muito bem recebido pela crítica e mesmo sendo um disco estrangeiro, nunca chegou a ser relançado no formato cd. Manfredo faleceu em 1999, aos 63 anos, na Flórida (EUA).

brazilian dorian dream
facing east
jungle cat
that’s what she says
slaughter on tenth avenue
who needs it
braziliana nº 1

Comments

comments

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

5 thoughts on “Manfredo Fest – Brazilian Dorian Dream (1976)

  1. Imaginem um professor iniciar um ano letivo numa escola e não querer repetir a matéria que ele deu no ano anterior.
    O público é outro, TM.
    Poste o disco, mesmo que outro já o tenha feito: O alvo será sempre diferente.

  2. I saw Manfredo back in the early 1990s in Chicago at the Green Mill jazz club. I also know the drummer from this album, who is still playing and still as happy as he sounds here. I was in a band that used to play a couple of these songs (Brazilian Dorian Dream and Facing East) but we never got it to sound this good. Obrigado, TM!

  3. Qualquer album postado aqui faz a diferença, independente que já esteja disponível em qualquer outro blog.
    O segredo está na qualidade de áudio alcançada, graças ao perfeccionismo e esforço do nosso caro e estimado Augusto.

    Augusto Mariano.

Deixe uma resposta