Roberto De Oliveria – Vivo De Saudades De Você (1970)

Olá, amigos cultos, ocultos e associados! O álbum que o TM nos oferece hoje é mais um daqueles títulos cercados de incógnitas, dos quais a gente não consegue descobrir muita coisa a respeito de seus intérpretes. É o caso deste “Vivo de saudades de você”, lançado em 1970 pela Polydor/Philips e, ao que parece, o único LP gravado por Roberto de Oliveira. A única coisa que consegui apurar a respeito dele é que seu primeiro disco, lançado em 1969, foi um compacto simples com duas músicas vertidas para o português por Alf Soares : “Sozinho” (no original, “Comme l’habitude”, popularizada em inglês por Paul Anka e Frank Sinatra como “My way”) e “Somente a música ficou (The way it used to be)”.  Curiosamente, nenhuma delas foi incluída neste LP. Mas, pelo menos em sua ficha técnica, há uma curiosidade: o arranjador, apresentado como Pachequinho, é nada mais nada menos que o maestro Diogo Pacheco, aquele que já regeu mais de mil concertos de música erudita e ajudou a popularizá-la no Brasil! Como Pachequinho, inclusive, ele já fez arranjos para cantores do porte de Wanderley Cardoso, Ângela Maria e Agnaldo Timóteo.  Não por acaso, o livro que conta sua trajetória, escrito pelo jornalista Alfredo Sternheim, e publicado em 2010, se intitula “Um maestro para todos”…  Outro item importante deste disco fica por conta de sua produção, a cargo de Eustáquio Sena. Cantor, compositor , violonista e percussionista, ele nasceu na região do Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais, e trabalhou bastante tempo na Som Livre, onde, além de trilhas de novelas, produziu álbuns antológicos, como “Acabou chorare” dos Novos Baianos (1972) e “Molhado de suor”, o primeiro trabalho de Alceu Valença (1974). Também gravou discos como intérprete, sendo o melhor deles o álbum “Cauromi” (Epic/CBS, 1980). Eustáquio faleceu em abril de 2007, completamente esquecido pela mídia. Estes dois nomes, pelo menos, credenciam o álbum hoje oferecido pelo TM. Só não foi possível encontrar informações biográficas a respeito de Roberto de Oliveira. Pela seleção de repertório, percebe-se que é um disco feito para atingir a faixa mais popular de consumo, em uma corrente que ficaria mais tarde conhecida como romântico-brega (termo a princípio considerado pejorativo, mas que hoje, nunca é demais lembrar, designa música popular facilmente assimilável). O produtor, Eustáquio Sena, assina quatro faixas: “Tristeza infinita”, “Por que será?”, “Rose Rosemary” e a versão “Também sou criança”. Outra versão incluída neste disco é “O amor é tudo (Love is all)”, popularizada no original pelo cantor britânico Malcolm Roberts em um festival da canção e, em português, por Agnaldo Rayol. Curiosa é também a inclusão, em uma única faixa, de dois clássicos da MPB, apresentados em ritmo de balada romântica: “Malandrinha” e “Chuá chuá”. A dupla Evaldo Gouveia-Jair Amorim comparece com “Um dos dois”, Sidney Quintela vem com a faixa-título, “Vivo de saudades de você”, “Tristeza infinita” e “Por que será”, Carlos Roberto (autor de vários sucessos de Paulo Sérgio e até parceiro em alguns deles) assina a faixa de abertura, “De que vale esta grandeza?”. Ainda mais curiosa é a presença de Jair Rodrigues como compositor, assinando, em parceria com Carlos Odilon, a faixa “À procura de paz”. E olha: até que esse Roberto de Oliveira cantava muitíssimo bem, e chega até a ser uma pena que ele não tenha passado desse LP. E é também de se lamentar a ausência de informações biográficas a seu respeito. Ainda assim, o TM, dentro de sua proposta de preservação da memória musical brasileira, oferece este disco a vocês. E, se alguém tiver informações biográficas sobre Roberto de Oliveira, escreva pra nós. O email, vocês sabem, é toquelinkmusical@gmail.com. Eu e o Augusto, desde já, agradecemos…

de que vale esta grandeza

tristeza infinita

eu não a amo mais

também sou criança

malandrinha – chuá chuá

a procura da paz

rose rosemary

vivo de saudades de você

só sei te amar

porque será

um dos dois

o amor é tudo

*Texto de Samuel Machado Filho

Comments

comments

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

Deixe uma resposta