Paulinho Nogueira – Água Branca (1983)

Olá, amigos cultos e ocultos! Mais uma vez, bate ponto em nosso Toque Musical o cantor, compositor e violonista Paulo Artur Mendes Pupo Nogueira, ou, como ficou para a posteridade, Paulinho Nogueira (Campinas, SP, 8/10/1929-São Paulo, 2/8/2003). Desta vez apresentamos “Água Branca”, lançado em 1983 pela gravadora Eldorado. Desde a infância, Paulinho manifestou tendência para as artes, principalmente desenho e música, através do violão, que começou a tocar aos dez anos de idade. Ao terminar o colegial, mudou-se de Campinas para São Paulo, onde iniciou sua carreira artística, tocando em boates e nas rádios Bandeirantes e Gazeta. Foi professor de violão (um de seus alunos foi Toquinho) e desenvolveu um método próprio de ensino do instrumento, além de ter inventado a craviola. Teve músicas gravadas por grandes nomes, como Jane Duboc, Jair Rodrigues, Yamandú Costa e Badi Assad. Entre seus sucessos, destacam-se “Menina”, “Menino, desce daí”, “Menino jogando bola” e “O jogo é hoje” (cujo título original era “Bola branca”). Em 1983, após quatro anos sem gravar, Paulinho Nogueira lançou justamente este “Água Branca”, que o TM apresenta hoje. O disco é formado por dez músicas cantadas, quase todas de sua autoria com parceiros, com arranjos e piano de Nélson Ayres, e violão, claro, do próprio Paulinho. Segundo ele, “de certa forma, Nélson Ayres pode ser considerado como um parceiro meu em todas as músicas, pelo muito que acrescentou, tanto na forma como no movimento. Seus arranjos me deixaram à vontade e me fizeram sentir ainda mais o instrumento”. Há ainda a participação de músicos como Heraldo do Monte no bandolim, Papete e Oswaldinho na percussão, Roberto Sion no sax-alto e Zeca Assumpção no contrabaixo. A faixa-título, “Água Branca”, é uma alusão ao Parque da Água Branca, de São Paulo (na contracapa há várias fotos do parque) e, ainda segundo o próprio Paulinho Nogueira, “caracteriza todo o clima do disco, ou seja, a natureza”. No mais, é um dos melhores trabalhos de Paulinho, e vale a pena conferir mais este disco seu.

dança das abelhas
violão de madeira
caminhantes
vida e mar
parque da água branca
o que eu trouxe pra te dar
coração de strass
boneca
uma nova vida
modinha



*Texto de Samuel Machado Filho

14 Sucessos De Ouro Vol. 4 (1965)

Olá, amigos cultos e ocultos! Seguimos neste mês com algumas coletâneas, alguns daqueles discos que se não fosse aqui, vocês nunca teriam escutado. Nesta, eu confesso, até mesmo eu. E taí um bom motivo para apreciarmos, por exemplo, essa seleção da RGE, reunindo 14 músicas extraídas de discos de seus artistas. Temos assim um variado leque para promover seus lançamentos e artistas e atender ao seu mais diverso público. Um misto de sucessos nacionais e internacionais. Não deixem de conferir no GTM, pois temos aqui…

distância – miltinho
sukiyaki – the andrews sisters
garota de ipanema – paulinho nogueira
sabe deus – oslain galvão
blame it on the bossa nova – lawrence welk 
tudo de mim – rosana toledo
eu hei de seguir – george freedman
doce amargura – alda perdigão
soñar contigo – bienvenido granda
bonaza – billy vaughn
prova de amor – miguel angelo
apache – the bells
o tempo te dirá – raul sampaio
el relicario – ubirajara



.