Waldir Calmon – E O Espetáculo Continua… (1963)

E nessa de bater na mesma tecla, só de pirraça, eu vou insistir… Vou postando aqui mais um disco do Waldir Calmon. Depois que eu passei a conhecer melhor o trabalho deste artista tive naturalmente que rever os meus conceitos. Já falei isso outras vez e repito. O Waldir era mesmo ótimo, quanto mais eu escuto, mais eu aprecio.
Aqui temos um álbum gravado em 1963 e relançado em 1982. Um disco que celebra a era da música mecânica, ou seja, aquela que é tocada através de um ‘disc jockey”. No início dos anos 60 começaram a pipocar as casas noturnas, onde a música não era ao vivo. Os músicos foram substituídos pelas aparelhagens de som e uma pilha de discos, com um profissional exclusivo para atender aos pedidos musicais. Estávamos entrando numa nova fase dos discos de longa duração. Surgiam os primeiros equipamentos de alta fidelidade, alguns até estéro e com uma qualidade de som bem superior ao que existiam antes. Estávamos entrando na modernidade, procurando nos espelhar (caricaturalmente) no “american way”. Tivemos até as belas ‘jukebox”, onde a música e artista podiam ser escolhidos no cardápio da máquina, pessoalmente, bastava uma ficha. Para a casa noturna isso era ótimo, baixo custo, sem precisar pagar aos músicos. Ao contrário, tinham lucro vendendo as fichas. A situação começa a mudar quando entra em cena os orgãos normativos e fiscalizadores. Uma considerável porcentagem era reservada aos ‘ecads da vida’, que por sua vez distribuia o lucro entre seus associados. Eu sei de muito artista bom que nunca viu nem o cheiro desses rendimentos. Para muitos, o disco nunca foi uma fonte de renda, servia apenas para dar um certo destaque ou oficializar suas obras. Mas essa é uma outra história. Melhor mesmo é voltarmos ao som dançante do Waldir Calmon, afinal o espetáculo continua… Neste trabalho ele vem acompanhado de conjunto, orquestra, côro e os vocais de Yanes e Dina. Disco bacana, podem conferir 😉

é só querer
eu nasci no morro
bom pra mim
o trvador
samba em prelúdio
stella by starlight
saudade e melancolia
completamente a sós
babalú
eu voltei
amar e ciúme

Comments

comments

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

5 pensou em “Waldir Calmon – E O Espetáculo Continua… (1963)

  1. Augusto my friend, you have found and posted an album by Waldir Calmon I did not know it exists!
    Thank you very much for this surprise! I am downloading it as I write.
    Beautiful cover, by the way.
    Abraços
    Milan

  2. Augusto:

    vou aproveitar este seu espaço disponível para lembrar que completamos hoje, 23/09/2010, exatamente 01 ano sem o nosso querido Zecalouro. Que coisa mais inacreditável. O sujeito desaparece sem deixar vestígios. Ninguém sabe nada. Nem parentes, nem amigos e nem frequentadores do blog. É uma pena. Mas o blog está lá …

Deixe uma resposta